Nada mais que um RESET

Entre uma atividade e outra, nos surgem pensamentos variados, aos quais, por muitas vezes, ficamos submetidos por minutos, horas ou dias a fio. Num desses lampejos de questionamentos, me ocorreu a seguinte pergunta: Se você tivesse um botão RESET para reiniciar sua vida, você apertaria?

Tal foi a possibilidade de um grande número de opiniões e visões, que não resisti em fazer a pergunta em meu facebook para os meus amigos. Não demorou para começar a pingar e depois a chover respostas, as quais listo abaixo, na íntegra:

  1. ‎… não
  2. Se eu voltasse com a cabeça de hoje… sim!
  3. Prefiro os cogumelos que dão vida – 1UP!
  4. nemmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm….
  5. De jeito nenhum!
  6. Num sei…do zero? Num sei…se as minhas experiências fossem resetadas…provavelmente eu não pensaria como penso hoje e…teria a mesma cabeça e faria (será?) as mesmas escolhas. Se pudesse resetar uma parte só…manteria os meus filhotes, trocaria de carreira e passaria mais tempo com os meus pais…
  7. João… fiz muita coisa errada! Mas quem não fez? Penso que tudo aconteceu no tempo certo. Se algumas coisas tivesse acontecido antes de ter maturidade suficiente para encarar de frente… tenho certeza que eu não daria conta.
  8. Os atos insanos dos meus 52 anos,pois estão registrados no outro plano!
  9. no way!
  10. ah esse botao tinha que ter trava, ou aquele sistema:”tem certeza que deseja reiniciar o sistema?” senao todo mundo uma hora na vida ia apertar sim….
  11. Boa essa da T… tinha que ter um processo de segurança…pq pegar 2 horas de trânsito, chegar em casa…ver o bebezinho chorando para dormir, o mais velho “murrinhando” para não fazer lição, o marido ignorando a confusão, cliente no telefone, abrir a geladeira e não achar nada para lanchar…beemmm…o reset vira uma possibilidade mais que atraente!
  12. Nem pensar Cunhadao…
    Afinal e com os erros e acertos que evoluímos como seres humanos!!!! Bjoooo

Interrompi as respostas, brevemente, porque decidi apimentar perguntando a um amigo: “Você, que é um expert em informática, me responda, por favor: me fale situações em que um computador se reinicia ou deve ser reiniciado. Rola?”

Resp.: João: somente quando dá defeito.😉

E porque faltavam respostas, continuei: “Nanão. Pense, tem mais…rs”. E mais respostas vieram:

  1. “Verdade! E para se atualizar em sistemas operacionais burros, que não conseguem se atualizar sem precisar reiniciar.😉
  2. “… eu entregaria mais cartas!”
  3. “Upgrademodificação de programas…novos programas…tudo isso reinicia…”
  4. “Eu não…. de jeito nenhum ! bju”
  5. ‎”… caneta bic na fita K7 também reseta.”
  6. “Hmmm… Para a vida toda, não! Mas se eu pudesse instalaria uns programas diferentes. Rs”
  7. “Onde vai parar?! rsrsrsrsrsrsrs
    tô aqui acompanhando e pensando até agora. Mas há muita resposta interessante!”
  8. “João, mas realmente, em informática, o reset significa: “volta tudo como era antes porque DEU MERDA”… rs”
  9. “‎… se devolver a VHS sem voltar você paga multa!”
  10. “Somente em caso de emergência, tipo, tô morrendo, porque sempre podemos começar de novo,exemplo, já to no terceiro casamento, sempre começando, a vida é boa demais, e lembre-se o RESET não deixa a maquina nova, somente reinicia o sistema.”
  11. “Dizem que nos últimos momentos de vida, a vida tooda passa diante dos nossos olhos! Mas isso não é reiniciar, nem resetar…rebobinar?”
  12. “Claro,qualquer coisa usamos o Undelete ou restauramos. Agora no sério: olha pro Murilo e adivinha minha resposta!”
  13. “Eu pra variar em cima do muro.”
    Não digo que sim, nem que não.
    Li por exemplo que se fosse possível, faríamos com frequencia. Por outro lado, toda vez que reseto algo, a sensação de alívio, prazer e reinício é muito boa.”
  14. “Resetar não significa perder o antes, significa?!”
  15. “Dá pra fazer um back up antes?”
  16. Que pergunta interessante Joãooo!!!Gostei muitooo da resposta de V…!!!Fico confusa, pq não quero desfazer da minha, mas ao mesmo tempo seria pelo menos curioso começar do nada…

Durante o temporal de respostas, houve quem se interessasse pela minha resposta, para a minha felicidade pessoal, que já estava rabiscada em minha cabeça. Disse a todos que não responderia lá e que o faria aqui no blog, e o faço com uma satisfação especial, por dois motivos: o primeiro, pela variedade de respostas e questionamentos conseguintes à pergunta original, o que me faz lembrar daquela máxima que fala que “o que move o mundo são as perguntas”. E, segundo, porque é muito bom quando a gente percebe que é a soma de todo mundo. O que falta e que, ao mesmo tempo, nos completa é a parte do outro, que só vemos em nós quando as situações pedem expressão. Se ninguém oferecer o que tem e o que é, ninguém recebe e ninguém saberá o que o outro é.

Enfim, a minha resposta para a pergunta inicial Se você tivesse um botão RESET para reiniciar sua vida, você apertaria? é: SIM. Todos nós resetamos nossas vidas todos os dias, todas as horas, minutos e segundos. O verbo SET em inglês tem pelo menos 25 significados e 60 sinônimos, e o primeiro sinônimo de SET em um dos dicionários que consultei é ADJUST, que significa “regular, ajustar, adaptar-se, acostumar-se. O “RE” à frente do verbo fica por conta do “novamente, de novo.” E não é o que fazemos a cada segundo? Cada segundo de nossas vidas é o resultado das somas de nossas interações com as pessoas e com o mundo. Cada segundo representa um cálculo que a pessoa fez mediante algo que lhe foi exposto, seja através de alguém, da natureza ou de sua própria mente.

Todas as respostas dadas estão, claro, ligadas a forma em que cada pessoa conseguiu, de súbito, abstrair da palavra ou função RESET. No começo, houve quem dissesse “De jeito nenhum.” Quando puxei outras respostas através de uma segunda pergunta, desta vez ligada à informática, a gama de interpretações aumentou. E é disso que precisamos – da participação do outro em nossas convicções, que, por vezes, pode-se achar que estão em um ponto muito primitivo, mas que de fato estão apenas isoladas, ligeiramente desconectadas de outras percepções. Outra coisa que ocorre com frequência é que o medo de se perder aquilo que já se conquistou impede que as pessoas se lancem a novas inserções, a novas visões e trabalhos – o medo de RESETAR. Será que salvei o que fiz? Será que o que tenho está seguro e não perco mais? Tem gente que clica no botão de salvar umas 5 vezes “só pra garantir”.

Quando você reinicia o computador, ele não perde os dados, apenas os recoloca, reajusta em seus devidos lugares e funções. Se perdeu os dados, o problema é outro. Vou um pouco mais além, resetar é um gesto importante para nós, porque pode significar o reconhecimento de que o que estava sendo feito deu errado a tal ponto de travar o sistema (vida). Só que dar errado é normal, é legal, porém temos tanta dificuldade em aceitar que erramos, principalmente aos olhos dos outros, que nos colocamos em uma posição mais rígida, ou talvez defensiva, dizendo: “Não, não refaço. Não, não reinicio.” Perfeccionismo? Talvez, vá saber… De cá, eu percebo e alicerço a minha percepção sobre perdas na frase de Antoine Lavoisier, o pai da química moderna: “Na Natureza nada se cria, nada se perde, tudo se transforma.” Bem, ele foi “o cara” da química, não é? O que significa dizer que tudo o que o homem “criou” na Terra já estava na Terra, ele apenas transformou, e daí nada mais se perde, ele não criou-criou, ele usou substâncias existentes e fez algo novo. Isso é na visão da Química – mudança de estado físico. As coisas só mudam de estado, de aparência, como nós mesmos. Essa é uma visão das coisas através da química. Tem através da Física, Geografia, Matemática e por aí vai.

Em outras palavras, RESETAR é reajustar, reestabelecer, melhorar (vide processo de upgrade); é recomeçar revigorado, com as coisas em seus devidos lugares, com os programas (relações) conversando entre si de forma eficiente. RESETAR é recomeçar relações não do zero, mas com uma visão reajustada do todo, baseado no que já existe. É, de certa forma, abrir portas para a humildade e reconhecer em si e no outro a capacidade de recomeçar diferente, não importa quantas vezes; é dar chance, reconhecendo que um dia você precisará de uma chance de reiniciar. O limite, a paciência, vamos dizer assim, está condicionada ao que se acredita em termos de possibilidade de melhoramento de resultado. Muitas vezes, RESETAR não adianta mais porque houve dano maior e, daí, temos duas opções: FORMATAR, que é a reforma interna geral, temida, demorada e custosa, com risco de perda de arquivos (valores e emoções) tão queridos, ou COMPRAR OUTRA MÁQUINA – uma outra vida.

RESETAR é preciso. FORMATAR é uma consequência natural do envelhecimento. UMA NOVA MÁQUINA é apenas uma questão de tempo. 

Em tempo, obrigado a todos os meus amigos que ajudaram na construção dessa minha apequenada percepção sobre o botão RESET.

Sobre João Viégas

Consultor e professor de Pós-graduação e MBA em Marketing e Comunicação, autor e editor do livro 'tempo.com - A comunicação esquecida em tempos de Internet', articulista da revista Moda Brasil Magazine, palestrante em comunicação e professor de Língua Inglesa.
Esse post foi publicado em Comportamento, Cozinha do autor. e marcado , , , , , , , . Guardar link permanente.

5 respostas para Nada mais que um RESET

  1. monica marra disse:

    João: sou filha do Marra, primo do seu pai. Adorei o seu artigo. Não sabia que vc escrevia. Abraço, Monica

    Curtir

  2. Karina disse:

    Excelente!

    Curtir

    • Que bom que gostou, Karina. Desculpe a demora em responder ao seu comentário. Uma caminhão bi-trem chamado “dois filhos” passou por cima de mim nos últimos tempos, mas foi o melhor atropelamento que alguém pode desejar. Faça bom uso do blog. Estarei mais ativo daqui pra frente. Paz e prosperidade! Abraço!

      Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s